Como analisar caricaturas

De regresso à actividade lectiva, esperando que a interrupção tenha sido regeneradora de energias, deixo-vos aqui algumas orientações para a análise de caricaturas.

O clero (figura de preto) e a nobreza (de uniforme militar) esmagam o Terceiro Estado. Na pedra suportada pelo Terceiro Estado, pode ler-se Talha, impostos e corveias. Gravura anónima de 1789.

 A caricatura permite-nos ter acesso a um leque variado de informações, de acordo com a época a que se refere. Contudo, é importante realçar que apresenta uma visão exagerada ou deformada do acontecimento ou da personalidade que está a retratar. Assim sendo, a caricatura deverá ser analisada nas seguintes vertentes:

  1. Introdução – identificar o autor e o contexto da caricatura (cena e época);
  2. Explicação – evidenciar o que caracteriza a caricatura, prestando atenção aos aspectos exagerados e aos pormenores;
  3. Finalidade – mostrar qual é a intenção do autor e o objectivo a atingir pela caricatura;
  4. Conclusão – retirar conclusões da análise da caricatura e relacionar com outros documentos da época.

 

Esta entrada foi publicada em Materiais didáticos com as etiquetas , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s